Proporção Áurea observada nas Estrelas

fractal-pattern

O padrão do Golden Ratio ou Proporção Áurea tem sido observado em todas as camadas da criação desde conchas, plantas, animais, sons e até em nós mesmos e esse conhecimento foi transferido para construções como o Parthenon, pinturas como as de da Vinci, etc. Agora também pode ser observado na vibrações de estrelas graças ao um novo estudo que foi realizado através do telescópio Kepler. As estrelas variantes pulsam na frequência do número irracional 0.61803398875…, nomeado pelos Gregos como a letra Phi ou golden ratio (Sequência de Fibonacci) que as vezes também é referido pelo número inverso 1.61803398875…Um artigo recente lançado na Scientific American relata a descoberta de padrões fractal e da sequência de Fibonacci no espaço. Pesquisadores da Universidade do Hawai em Manoa tem estudado um tipo específico de estrela chamada RR Lyrae variantes através do telescópio Kepler.

Diferente de outras estrelas, essas se expandem e se retraem criando pulsações, o que as leva “desaparecer” e reaparecer no manto do universo. Mas essas pulsações não ocorrem de forma aleatória, elas pulsam de acordo com o padrão de ouro. Ao contrário do nosso Sol, RR Lyrae  se encolhe e incha, causando suas temperaturas e luminosidade que mudam ritmicamente como as frequências ou notas em uma música. Dr. Lindner, professor chefe do estudo, explicou: “É a relação entre esse inchaço e encolhimento que é tão importante.” 

Ao contrário do Sol, que brilha com um brilho constante (fator essencial para a vida na Terra!), essas estrelas brilham e escurecem da mesma forma que suas atmosferas expandem e contraem devido a mudanças de pressão periódicas. Cada estrela pulsa com uma freqüência primária e também mostra as flutuações de brilho menores que ocorrem em uma freqüência secundária. Os raios entre essas duas frequências são muito importantes, diz o astrônomo Robert Szabó do Observatório Konkoy da Hungria (ele não estava envolvido no estudo)“Pois elas são caracterizados pela estrutura interna das estrelas – e se uma estrela se apresenta de muitos modos, então a observação das frequências dá limitações muito restritas para modelos estelares.” Para quatro dos seis RR Lyrae, os cientistas analisaram que a razão entre a frequência primária e a secundária se aproxima do golden ratio – com 2% do seu valor, como no caso da estrela KCI 5.520.878, por exemplo. Eles têm estudado as pulsações destas estrelas, e vários deles são frequências pulsantes quase idênticas com o Golden Ratio. Estas estrelas específicas são chamados de “Ouro Variáveis RR Lyrae”. “Nós chamamos de ‘ouro’, porque a razão de dois de seus componentes de frequência está perto do  dourado, que é um número irracional famoso na arte, arquitetura e matemática, e no espaço”, disse o Dr. Lindner.

O Significado do Ouro

fractal-pictures-5-1-300x201

A Proporção Áurea tem sido fonte de fascinação de matemáticos, cientistas, filósofos e artistas desde os dias de Pitágoras e Euclides na antiga Grécia. “A Proporção Áurea tem uma longa história em disciplinas que vão desde a física até as artes visuais”, diz o astrofísico Mario Livio do Instituto Baltimore Telescópio Espacial, que escreveu em 2002 um livro sobre o tema, “The Golden Ratio: The Story of Phi, The World’s Most Astonishing Number.” que seu título em tradução livre fica, “A Proporção Áurea, a História do Phi. O Número Mais Incrível do Mundo”.

Dois números têm a média de ouro se a relação entre eles é a mesma que a razão entre a sua soma e maior que os dois números, em termos retangulares, o comprimento longo é curto como a totalidade é longa. “A proporção áurea é especial pois é, em certo sentido, o mais irracional de todos os números irracionais” diz Livio. Um número irracional é aquele que não pode ser obtido pela divisão de dois números inteiros, ou seja, são números reais mas não racionais. Mas alguns números irracionais são fáceis de aproximar usando números racionais, enquanto outros são difíceis. A proporção áurea é o número irracional que é mais difícil de se aproximar com números racionais.

É um padrão essencial para a compreensão da natureza e é observável em tudo e é geralmente referido como “Geometria Sagrada”. Muitos acreditam que ele tem relação direta com a compreensão do genoma humano que é selado em códigos no DNA. A Proporção Divina / Áurea quando plotados numericamente, cria uma sequência que surge o padrão Fractal. Metafísicos e Físicos Modernos dos últimos 15 anos tem sugerido que o estudo dos padrões fractal podem nos levar a um grande entendimento do Universo e do Campo Unificado que se aplica a tudo e que provavelmente é o plano estrutural do Universo.

“As estrelas de ouro são o primeiro exemplo fora do laboratório que chamamos de “dinâmica estranha não-caótica”. A palavra “estranha” se refere ao padrão fractal, e o “não-caótica” significa que o padrão é ordinário ao invés de aleatório. A maioria dos padrões fractal na natureza, como na água, são caóticos, então esse aspecto das estrelas variantes vem a ser uma surpresa” reporta o artigo da Scientific American. Essas estrelas são as mais novas com 10 bilhões de anos e seu brilho pode variar até 200% durante metade de um dia. Isso faz que se torne um desafio seu estudo da Terra durante os ciclos dia-noite. É essa variação que causa esse fenômeno matemático.

Foo_Galaxy_stock_by_FractalAngel_Stock-1024x768

Platão teorizou que o Universo é um todo que ressoa a “Música ou Harmonia das Esferas”. Esse novo estudo pode promover profundos insights para emparelhar os campos Filosóficos e Espirituais oferecidos ao longo dos tempos com a Astronomia Moderna, e como podemos entender a elegância subjacente da natureza como um todo. Enquanto algumas estrelas pulsam em uma única frequência, observações confirmam que outras pulsam em múltiplas frequências. 

“Estrelas flamejantes geram batidas rítmicas pulsantes sob suas melodias de canção como fazem também essas estrelas variáveis,” diz Dr Lindner.

Afinal, o universo é um grande ritmo em pulsação constante! Termino este post com um incrível vídeo que mostra a mágica do Phi e do Pi!

Esse artigo foi lançado nessa semana na revista conceituada Scientific American e seu original pode ser conferido aqui. As demais fontes estão linkadas no texto. Já falamos sobre o padrão fractal em outros artigos aqui no blog que podem complementar seus estudos: O Som Não Se Propaga No Vácuo ou o Vácuo Também É Som? ; Fractal e a Cultura Africana ; Uma Joia no Coração da Física Quântica ; Arte Fractal – Padrões da Harmonia ; Natureza Por Números ; A Geometria Sagrada da Personalidade, Pensamentos e Sentidos ; Arquitetura Orgânica – Casa nas Formas Geométricas Naturais ;

Tradução: NM

Por favor, lembre-se de compartilhar trechos ou textos completos do blog sempre com os devidos créditos!

Anúncios

5 comentários sobre “Proporção Áurea observada nas Estrelas

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s