O conhecimento ancestral do espírito alquimista

tumblr_nkczrpFbvk1sgnzt8o1_500

Muita coisa mudou dentro das últimas décadas ou desde quando os cientistas foram capazes de explicar ou unir o que muitas civilizações antigas descobriram e disseram por milhares de anos. Por exemplo, a era tecnológica dos computadores finalmente se fez capaz de replicar holografias naturais com os padrões chamados Fractal.

Essas culturas ancestrais forneceram símbolos maciçamente intrincados e interligados a simplicidade, tais como a Flor da Vida. O que estou querendo dizer é que, finalmente, o conceito de unidade chegou a um espectro visível e tangível e de teoria comprovada para nossa geração. O espírito feminino ou yin da realidade está finalmente a se fundir com o espírito de dualidade masculino e aspecto yang, a Ciência.

A forma perfeita da alquimia está acontecendo novamente na nossa geração. Eu pessoalmente passei por experiências através e durante minhas jornadas, e senti que foi me dado a chave ancestral para destrancar e fazer mover projetos. O projeto que me refiro é a elevação da consciência coletiva com toda sua singularidade especial, você! A ideia é como na física quântica: A Teoria Entanglement, onde quando um fóton de luz é alterado, todos os outros fótons, não importa onde, são alterados simultaneamente. Eu sinto que é o mesmo com a consciência humana. Todo o universo aparentemente invisível nos amarra por esta lei universal de conexão. É aí que os princípios universais entram. Tudo isso tem a ver com os ciclos de energia. Toda a vida se move em ciclos, ondulações e ondas; dos trânsitos de tempo através de e para as ondas de diferentes energias invisíveis; à oscilação do que nos dá a vida, a nossa respiração ou o nosso coração batendo.

Se você está familiarizado com os padrões singulares de movimento de grandes estruturas, você pode aplicar esses mesmos padrões primordiais para menores estruturas, sempre. Se você não entendeu o que estou pondo em pauta aqui, mas mesmo assim está curioso, então prossiga comigo. Vamos lá rss.

luasol

As mulheres sábias dos dias da tribo sempre passavam esse conhecimento à frente, de que pra começar, todos somos seres eletromagnéticos. Isso nos conecta com os planetas; especificamente o Sol, a Terra e a Lua, que também são eletromagneticamente carregados.

As diferentes posições e comprimentos das ondas eletromagnéticas mudam as estações do ano em nosso planeta. Assim como o nosso planeta tem estações que passa por cada ano e já que tudo é um microcosmo do macrocosmo, os seres tem temporadas. Mas em vez de estações do ano, nós experienciamos mudanças sazonais de energia. As mulheres já sabem disso há milhares de anos por causa de seus corpos, experimentamos mudanças físicas através da menstruação que é influenciada pela Lua. Mas só porque há uma mudança visível na mulher não significa que sua contraparte masculina neste querido planeta não está sob as mesmas flutuações de energia dentro de si mesmo de uma forma mais invisível. Assim também é o impacto que as correntes eletromagnéticas têm sobre cada um de nós; seja homem ou mulher. Esse conhecimento na minha opinião, é o fundamento básico para a criação de sua prática alquimista pessoal, ainda universalmente sincronizada ou em outras palavras, a maneira de aproveitar os dons espirituais únicos que você possui e sincronizá-los com as flutuações universais de energia. Assim, sem mais delongas, vou explicar cada um desses padrões de energia dentro do mês e as ações mais adequadas para se  fazer durante esses tempos.

As energias fluem, assim como a precessão de um ser vivo passando por toda a vida ou estações por meio de um ano cíclico:

Nascimento-Novo > Primavera ; Colheita > Verão; Declínio > Outono; Morte- Renascer > Inverno

Outra maneira de olhar para estes ciclos de energia é através dos elementos: Inverno seria Água, como um tempo de cura e limpeza com a Lua Nova, Primavera seria Ar, 100531elements-294x300um grande momento para se comunicar e facilitar a mudança positivas com a Lua que está crescente, Verão é o Fogo, como estamos queimando qualquer excesso de energia oferecendo a nossa fecundidade sob a lua cheia e, por último, como a lua está diminuindo distância seria o Outono, o elemento Terra para nos re-equilibrarmos antes de passar pelo re-nascimento do Inverno. Sendo cada semana do mês o equivalente a um tipo de expressão energética. Vamos começar com o nosso Ano Novo e lá está a Lua nova, o ponto mais baixo de interação eletromagnética entre o Sol e a Terra e todos os seres. Podemos fazer um comparativo ao estágio de  morte e o renascimento, isso geralmente é uma das razões pelas quais as mulheres durante seus ciclos de lua vermelha preferem descansar ou ficarem sozinhas. Mas também, para os homens esse é o tempo de estocar energia. É o momento ideal para se perguntar aquelas questões profundas sobre o que precisa ser limpo, naturalizado e curado. Esse é o momento perfeito para se dar conta do que não te serve mais, repensar quais “sementes” ou ideias você gostaria de continuar plantando. Tanto metaforicamente quanto fisicamente, os almanaques de fazendeiros espalharam a ideia do conhecimento do plantio das sementes na Lua nova por mais de décadas, sendo a fase que ajuda ao desenvolvimento de ideias para sua frutificação. No qual a Lua Nova é o Yin, a energia feminina e a Lua Cheia é o Yang, a energia masculina. Aí é que podemos deixar tudo fluir e seguir seu curso, pois ambas Luas trazem benefícios no Kundalini ou práticas ainda mais profundas de conexão.

A próxima energia é quando a Lua começa a ganhar ímpeto e começa seu processo até a Lua cheia. Essa energia emula a Primavera e traz consigo a clareza mental da consciência. Planos criativos, fermentação de ideias, organização e interatividade são bem sucedidos durante essa época.  Esta semana transita maravilhosamente com o período de energia, mais especificamente, é o momento da Lua Cheia que à esta altura já têm trazido manifestações físicas ou os frutos da colheita de suas ideias. A bela construção da sua força e confiança para com você mesmo.

A última transição energética é similar ao Outono, onde surge a sensação de finalização e de pontos finais. Como a visibilidade da Lua que desaparece, sua energia faz o mesmo. É importante notar que durante esse tempo nos sentimos sozinhos, perdidos e ansiosos, e isso pode ser porque você talvez não tenha finalizado o que gostaria. Mas isso pode ser remediado ao criar um novo objetivo pro próximo Inverno, para plantar as novas sementes ou até mesmo um re-início.

Com esses princípios em mente, você realmente pode começar a se mover juntamente a energia universal e fazer mudanças duráveis, não apenas em si mesmo, mas no mundo. Pode parecer estranho no início, se direcionar por energias em períodos de tempo, até mesmo se deixar descansar em algum momento em meio a uma sociedade focada em produzir. Mas se olharmos para natureza, podemos notar que toda a vida rege através de ciclos como um meio de preservação e renovação. Quando trabalhamos com a natureza ao invés de contra ela, tudo se encaixa.

Esse belo artigo foi escrito pela Jocelyn Daher e retirado do Spirit Science, e traduzido por nós aqui do blog. Quis traduzir esse texto pois acho que nos lembrarmos de tudo isso, nos re-conectarmos aos conhecimentos ancestrais em meio a tantos paradigmas modernos pode nos trazer de volta o equilíbrio, e também espero que possa te ajudar a expressar o presente extraordinário que tem dentro de você, e a visão de que à todos nós foi dado o elementar presente de viver, ajudar e radiar nossa luz em Gaya.

Viva!

Até a próxima 😉

Tradução por NM

Por favor, lembre-se de compartilhar trechos ou textos completos do blog sempre com os devidos créditos!

Anúncios

7 comentários sobre “O conhecimento ancestral do espírito alquimista

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s